Posted by : CanasOminous Oct 15, 2011

O som da queda d’água transmitia uma sensação de conforto para o grupo de Pokémons. A noite estava clara, pouco a pouco o céu começava a ser coberto por nuvens  que chegavam na companhia de uma leve brisa. A fumaça exalada pela fogueira subia até fundir-se com outras nuvens, o que por um momento era a única diversão do grupo de Pokémons que colocavam em prática sua criatividade para definir formas à fumaça. A principal atração do dia era um pequeno Ovo Pokémon que seus mestres adquiriram, de forma que todos os membros do grupo ficassem alvoroçados para ver o recém chegado mascote.
Ele é tão fofinho!! Estou louca para ganhar um novo irmãozinho ou irmãzinha!! Tanto faz, só sei que deve ser muito legal!! — disse Roselia animada, abraçando o ovo Pokémon e em seguida olhando para seus amigos — O que será que vai nascer?
Tomara que não seja outro dragão, se não teremos certos problemas por questões territoriais. — disse Gabite.
Independende do que seja, tenho certeza que irá tornar-se nosso amigo! Eu estou muito ansioso para que ele nasça, só espero que não demore muito. — disse Shellos, abraçando o ovo Pokémon na companhia de Roselia.
Temos que proteger o ovo do frio, vamos montar uma casinha!! — sugeriu Pachirisu, juntado folhas e gravetos na companhia de Roselia e Shellos para começar a cuidar do recém chegado membro.
Gabite afastou-se um pouco das crianças e sentou-se ao lado de Titânia que observava a queda d’água serenamente. Os outros integrantes também estavam presentes, sendo que todos eles pareciam felizes com a chegada de novos integrantes na equipe.
Os mais novos adoraram o Ovo. — comentou Piplup com um sorriso, vendo os amigos se divertirem com o novo membro.
É... Mas sei lá, tenho medo do que possa nascer daquele negócio. Vai que acaba chegando um Pokémon que substitua algum de nossos membros. — disse Gabite.
Não seja bobo. Nenhum de nós será substituído, seja o que for que nasça daquele Ovo nós o receberemos bem. É óbvio que será apenas um filhote, então tudo que temos de fazer é cuidar dele e fornecer-lhe um bom ensino, afinal, educação é a base de tudo.— respondeu Titânia.
Gabite olhou para a serpente e deu um sorriso como alguém que refletia sobre algo, ele estava para dizer algo quando Machop aprontou-se e pareceu retirar as palavras de sua boca:
Você daria uma boa mamãe, Titânia. — brincou Machop, fazendo com que a serpente corasse severamente de modo que parecesse extremamente envergonhada com o comentário.
M-Mãe?! — perguntou Titânia incrédula — Claro que não!!  Não sei lidar muito bem com essas coisas... E eu também nunca pensei em ter filhotes, desde que me lembro eu fui criada para batalhar...
Era evidente que a serpente ficara sem graça com a brincadeira, mas no fim das contas seus amigos sabiam que Titânia apreciara o comentário. Talvez ainda fosse um pouco cedo, mas apesar de ser coberta por uma armadura metálica que escondesse seus sentimentos, ela era sem dúvidas a mais atenciosa e carinhosa integrante do grupo.
Gabite espreguiçou-se e então deitou na grama fofa da margem do lago, quando ele se pôs a observar o reflexo da água pôde ver claramente a figura de um Pokémon fantasma distante, atrás de uma grande pedra no alto da colina. Aquela era a Froslass, desde que chegara ela parecia ainda não ter mantido contato com os outros membros. A chegada de um novo integrante nos Fire Tales sempre causava uma certa curiosidade nos pokémons que agora se colocavam a observar a pequena Froslass, alguns não haviam nem sequer visto seu rosto, mas já rolavam boatos de que sua aparência era deslumbrante.
Viu que gatinha chegou esses dias? — disse Gabite, tornando a se levantar e apontando para Froslass que jazia distante do acampamento.
Seus amigos se viraram de modo que pudessem ver a linda fantasma que jazia em seu canto parecendo escrever em um livro. Mothim suspirou e em seguida comentou pensativo:
Eu achei ela meio estranha, sabe? Quer ficar longe de todo mundo, não conversa com ninguém, fica só naquele canto escrevendo naquele aglomerado de papel celulose.
Esse “aglomerado de papel celulose” chama-se livro, Mothim. — respondeu Shieldon, recebendo um olhar reprovador do companheiro.
Tanto faz, eu acho ela estranha do mesmo jeito.
Mas ainda assim é mó gatinha. — sorriu Gabite novamente.
Argh, será que homens só sabem falar de mulheres quando estão em grupo? Por quê todos vocês têm que ser sempre iguais? — reclamou Titânia, afastando-se da fogueira para conversar com a nova integrante.
Ih, taí o motivo dela ainda estar solteira. — comentou Gabite, de modo que a serpente não pudesse ouvir.
Os Pokémons presentes ficaram quietos por um momento. O que a serpente falara era verdade, será que machos só sabiam falar de fêmeas? Piplup coçou sua cabeça e tentou pensar em algo, pois de certo modo todos lá presentes pensavam na mesma coisa.
Será que a gente só pensa nas fêmeas mesmo? — perguntou Piplup.
Acho que essa é uma característica de qualquer macho, isso é inevitável. Até mesmo o Pachirisu sente essa atração por fêmeas.  — disse Gabite, chamando o pequeno esquilo que estava brincando com seus amigos e em seguida colocando a mão em seu ombro — Chega aí irmãozinho, precisamos falar de uma coisa muito importante pra tua vida, tá ligado? É o seguinte, o que você acha das fêmeas?
Elas são legais. — respondeu o esquilo animado, de modo que Gabite percebesse que seu amigo não entendera o propósito da pergunta.
E o que mais?
Elas também são estranhas. Mas são legais. — continuou ele.
Volta a brincar, vai. O Pachirisu não conta. — resmungou Gabite.
Os Pokémons presentes ficariam quietos por um momento. Aquela dúvida ficara na mente de cada integrante que agora refletia se machos consgeuiam pensar em outra coisa além de mulheres.
Nossa... E o pior é que a Titânia tem razão. Nós treinamos para quê? Nós adquirimos experiência para quê? É sempre para as fêmeas! — concluiu Machop.
Devemos assumir nossa masculinidade com honra! Para comemorar essa descoberta formidável de nosso companheiro Machop eu tenho uma história muito foda pra contar, se liga só...

Era uma vez uma Spinarak que tentava atravessar a linha do trem, mas daí quando ela foi atravessar passou o trem e cortou a bunda dela. A Spinarak ficou muito triste e voltou chorando para um amigo Spinarak, e falou:
Estou tão triste! Eu estava atravessando a linha do trem, quando ele passou e arrancou a minha bunda!
Ué, volta lá e pega de volta. — disse o outro Spinarak.
O pequeno Pokémon achou ótima a ideia, e rapidamente voltou para os trilhos em busca de sua amada bunda. Mas enquanto ele tentava encontrar seu artefato perdido o trem passou de novo e esmagou ela.
Moral da história: Nunca perca a cabeça por causa de uma bunda.

Todos os Pokémons presentes ficaram em silêncio. Shieldon olhou para seus amigos como se não quisesse acreditar que ouvira uma história tão ridícula. Os mais inocentes permaneciam com uma feição de desentendimento enquanto Gabite caía na risada. Pachirisu aproximou-se de seus amigos e com sua voz confusa perguntou:
Eu não entendi a moral da história.
N-Não precia entender Pachirisu, você é muito puro pra entender essas coisas. — disfarçou Piplup.
Isso foi uma história ou uma piada? — perguntou Shieldon.
Foi uma... Ah, um pouco dos dois. Eu ouvi essa história lá na Wayward Cave antes de ter sido capturado. Na época foi engraçado... — concluiu Gabite.
Sorte que a Titânia não ouviu esse conto, ela teria ficado ainda mais irritada com a gente. — disse Mothim.

Os amigos permaneceram quietos por um momento, mas não demorou para que Titânia voltasse na companhia da pequena Froslass ao seu lado. A Pokémon fantasma era realmente muito atraente, seus olhos refletiam à luz da lua que brilhava no céu daquela noite, ela parecia vestir uma máscara que deixava seu rosto oculto liberando um ar misterioso e uma grande curiosidade em todos ali presentes.
Senhores, esta é a Froslass, seu nome é Glaciallis. O Mestre Luke capturou-a recentemente, então eu gostaria que vocês a recebessem com carinho e dedicação ao Fire Tales. — disse Titânia, vendo a criatura um pouco acanhada de conversar com os outros Pokémons — E só para deixar avisado, Senhor Gabite. O primeiro que vier de gracinha para cima da Glaciallis será...
Você já tem namorado? Quantos anos você tem? Caraca, tava na hora de entrar uma mulher gatona que nem você no grupo. Quer sair comigo? — perguntou Gabite, recebendo um olhar em fúria de Titânia que imediatamente foi contornada em fúria.
Froslass parecia extremamente constrangida com o ocorrido, retornando para seu canto escuro no mesmo instante. Titânia lançou um olhar intimidador para Gabite de modo que todos os outros Pokémons também se sentissem assustados.
Sumam daqui antes que eu arranque suas cabeças.
Mas a gente nem fez nada...!! — gritou Machop.
Sumam.
Machop, Mothim, Piplup e Gabite correram para longe no mesmo instante. Shieldon riu com o ocorrido, enquanto Pachirisu se divertia quando via Titânia estressar-se com alguém. A serpente voltou a chamar por Froslass que retornou um pouco receosa, mas após um pouco de conversa convenceu-se em tentar enturmar-se.
Desculpe-me o ocorrido Glaciallis, não foi minha intenção que esses machos bobos fossem tão ridículos. O problema é que infelizmente eles não estão acostumados com a presença de mulheres no grupo.
Eu ia fazer um comentário Titânia, mas achei melhor ficar quieto. — concluiu Shieldon, que provavlemente estava para comentar o fato dela mesma ser uma mulher.
Pachirisu sorriu ao ver a beleza da nova integrante. Nos braços da fantasma havia um objeto empoeirado, o esquilo virou sua cabeça para tentar entender o que estava escrito quando chegou a conclusão de que aquilo provavelmente era um livro
Você também escreve histórias? — perguntou o esquilo. A fantasma acenou levemente com a cabeça confirmando a pergunta. O equilo abraçou sua própria cauda em sinal de contentamento — Eu adoro histórias.
Acho que você será muito bem vinda em nosso grupo, Glaciallis. Costumamos conversar bastante durante a noite, mas espero que você não fique tão afastada e participe mais. Aqui nós sempre ajudamos uns aos outros. — disse Titânia.
E não liga para o que os machos dizem, eles são sempre assim. — sorriu Shieldon.
          — Eles são engraçado, mas o Gabite é uma boa pessoa, não tenha essa má impressão dele de só por causa do que aconteceu. — disse Pachirisu.
Froslass uniu suas mãos e em um aceno de sua espécie aceitou o convite.
Obrigada por me aceitaram... no grupo. — disse Froslass acanhada.

Enquanto isso, em uma área mais afastada da rota 208.
Gabite, cadê o acampamento? — perguntou Mothim.
Ué, era pra tá aqui. — concluiu o dragão.
Não é por nada não, pessoal. Mas eu tenho a ligeira impressão de que estamos perdidos. — disse Machop, fazendo com que seus companheiros não soubessem se ele estava sendo irônico ou se realmente era tão burro.
Você que nos colocou nessa enrrascada, seu dragão desengonçado. Então é você também irá nos levar de volta pro acampamento. — disse Piplup.
Tá bom, tá bom... Mas eu tô com fome, vamos preparar alguma coisa pra comer, não consigo pensar com fome. — disse o dragão — O que vocês vão fazer para comer?
Os cinco Pokémons mantiveram-se em silêncio como se não fizessem ideia de como virar-se na mata naquele momento, Gabite suspirou e colocou sua mão em sua face:
Malditas fêmeas, não conseguimos viver sem elas.

Demorou um pouco para que os Pokémons fizessem seu caminho de volta para o acampamento, mas por sorte Mothim sabia como virar-se em ocasiões como aquela localizando-se por estrelas e pelo vento. Titânia ainda estava extremamente irritada com Gabite pelo fato do dragão ter desaparecido por tanto tempo, dando-lhe na sequência um soco na cara que quase o afogara no rio, mas por dentro ela sentia um grande alívio por ver que seu amigo retornara bem. Aquele era seu jeito de demonstrar preocupação.
Com todos os integrantes novamente reunidos, Shellos e Roselia andaram em direção de Froslass de modo que cada um segurasse em uma de suas mãos. Os pequenos levaram-na para próximo da fogueira e lá permaneceram, Pachirisu se divertia ovuindo algumas histórias contadas pela fantasma que pouco a pouco começava a sentir-se mais à vontade no grupo.
A noite foi passando e logo Titânia colocou os mais novos para dormir, Glaciallis permanecera no acampamento durante a noite como se escrevesse uma poesia em seu pequeno livro. Todos já estavam em seus cantos para dormir, quando Froslass olhou para seu lado e se deparou com Gabite deitado enquanto observava o céu da noite.
O Senhor acredita em milagres? — perguntou Froslass timidamente.
Gabite olhou para a fantasma como se não tivesse entendido a pergunta, o dragão levantou-se e coçou sua cabeça, mas em seguida deu uma leve risada e tornou a falar:
Se eu acredito em milagres? — tornou a questionar — Eu vivo um.
Froslass apenas deu um leve sorriso e agradeceu a resposta. Escrever era muito mais do que um hobbie, era uma forma de transmitir todos os seus sentimentos de sua vida para a eternidade.

“Pode ser que um dia tudo acabe... 
Mas, com a amizade construiremos tudo novamente, 
Cada vez de forma diferente. 
Sendo único e inesquecível cada momento 
Que juntos viveremos e nos lembraremos para sempre. 

Há duas formas para viver a sua vida: 
Uma é acreditar que não existe milagre. 
A outra é acreditar que todas as coisas são um milagre.”

{ 16 comments... read them below or Comment }

  1. eu achei esse fire tales muito bom mas eu nao entendi muito bem a história da spinarak; eu acho q o gabite tava meio sem ideia na quela noite.
    criticas a parte eu achei muito bom principalmente como gabite parece com o luke em relação as garotas.
    p.s.:O primeiro comentario!!!!
    A os ensinamentos de froslass são muito profundos e é toda verdade.

    ReplyDelete
  2. Este Fire Tales foi ótimo.
    Eu continuo rido das histórias idiotas do Gabite, a moral dela também foi ótima:"Não perca a cabeça por causa de uma bunda." isso foi hilário.
    Achei que a entrada da Glacialis foi bem real, é assim que a maioria das pessoas tímidas entram em um grupo.
    O Mothim tem uma utilidade a mais, agora quando o grupo se perder de novo ele podeencontrar a saída da floresta (tanto no Fire Tales quanto na história Central).
    Finalmente o Gabite falou algo que preste: "Se eu acredito em milagres? -[...]- Eu vivo um.".
    E também gostei da poesia no final.
    Bem eu vou ficando por aqui.
    ASS: João_Victor.

    ReplyDelete
  3. Cara! Esse foi um dos melhores Fire Tales até agora!
    Gostei bastante do comportamento timido da Froslass, e da história da Spinarak sem bunda. Quando eu li o titulo, ja cai na risada, mas quando li a lenda do Gabite, ri ainda mais. Até que a moral da história faz sentido, enfim...
    Ficou muito legal cara. Até a proxima \õ7

    ReplyDelete
  4. Não pude deixar de comentar Canas. Realmente foi um dos melhores Fire Tales e como você havia dito, pode-se observar cada personagem.

    Eu ri muito da moral da história, realmente faz todo o sentido. Coitado do Pachirisu, espere ele crescer, hehe. Vejo shieldon como um ser maduro, embora não totalmente evoluído, pois ele já viveu desde primórdios.

    Também percebi que você explorou o lado feminino da Titânia, confesso que acho ela semelhante à Erza de Fairy Tail.

    ReplyDelete
  5. ASAUSHUASHUASHUASHUAHSUAHSUA
    kkkk ri mto com a história do Gabite, esse ai definitivamente não tem o dom, impossível XD
    awn, a Titânia mó sem jeito foi fofinho *U*, e ela brigando com o povo... eu ri!
    mto legal essa enturmação (existe essa palavra?! O_O') da Glaciallis, e ainda mais legal a rinha das femeas com os machos, ainda mais com a dúvida q a Titânia coloco na cabeça deles, d q eles só pensam em femeas XDXDXD (mas adimitam, vcs não conseguem viver sem a gente - feminismo modo ON 10000%) \o/
    vei, vc tem razão, dpois d ver as imagens do pessoal do Fire Tales, não consegui ler esse especial do msm jeito q lia antes, mas quer saber, eu gostih! ^^
    e olha, vo te fala, q moral da história mais pervertida ein? de cara eu ri, dpois num intendi, mas ai a luz (ou trevas) da malícia vieram sobre mim, e eu intendi tudo :X (nuss, lá se vai o resto d inoscencia q eu tinha guardada), o loko ein, mas achei q se encaixo mto perfeito na história XP

    flws ;P

    ReplyDelete
  6. Canas,

    Cara, não tenho o que dizer... Mas vc tá ferrado! Por sua causa minha mãe me deu bronca do tanto que ri da Lenda do Spinarak sem Bunda HSAUSHUAHSUAHSUH

    Brinks.

    Cara, os desenhos tão ótimos e a história melhor ainda. Cara, o Gabite sou eu em forma de Pokémon: Fala besteiras demais, porém, sabe sim falar uma coisa útil de vez em quando! SHUAHSUAHS

    Espero ancioso o 19.5!

    Até mais! Ô/

    ReplyDelete
  7. Só uma curiosidade! Existem três tipos de leitores para esse conto: O leitor Pachirisu, que é aquela pessoa pura que não entendeu a piada. O leitor Gabite, é aquele leitor bobo que entendeu a piada e vai estar rindo até agora (eu sou esse leitor!!) E o leitor Shieldon, que é aquele que entendeu a piada mas não deu risada. (Essas pessoas tem um conhecimento mais avançado que o nosso) kkkkkkkkkk

    Me divirto escrevendo esse especial... É comédia, eu me sinto feliz em ver que a cada dia o pessoal fala: Esse Fire Tales superou o antigo! Eu realmente dou o meu melhor para me superar a cada história, e a cada novo integrante na equipe acho que ela fica ainda mais engraçada. Obrigadão pelos comentários pessoal, já estou preparando o próximo capítulo e ele estará saindo assim que possível! Abraços people! (:

    ReplyDelete
  8. eu acho q esse fire tales foi muito bom, a história que gabite contou fala muito da personalida de dele como se fosse um adolescente rebelde.
    e o pachirisu é muito ingênuo eu acho q eté o machop emtendeu!!!
    Aguardo o cap 19.5 e o próximo fire tales q tenho certeza q será muito melhor pois vc se supera a cada cap.

    ReplyDelete
  9. Canas, eu concordo contigo.
    E acho que eu sou o leitor Gabite
    kkkkkkkkkkkk'
    Só de eu lembrar desse Fire Tales caio na risada sozinho. Acho que minha familia pensa que tenho problemas mentais \õ7

    ReplyDelete
  10. vei, sou um Gabite *.*
    contei a moral da história pra todo mundo q conhecia, e todos riram loucamente, amei isso X3
    ainda racho o bico d lembra dela e do fire tales inteiro... ai como amo isso *-----*

    ReplyDelete
  11. Meu.. que homem não perde a cabeça por uma bunda?!kkkkkk
    To rindo dessa moral até agora!
    Já percebi que sou um dos leitores Gabite, fico rindo de qualquer coisa, e principalmente com este Fire Tales, fico até impressionado de como me pareço com o próprio Gabite (ou Luke)!
    Cara até agora eu to meio triste por não ter conseguido ler antes as histórias, e pelo que percebi, vem muita coisa pela frente!!
    Mano, to apaixonado por essa Forslass, ela faz o meu tipo, da vontade de mante-la ao meu lado, e sempre protege-la!
    E realmente, depois de ter visto os desenhos, eu não consigo ler sem imaginar a imagem deles, e isso fez total diferença!
    Até o próximo comentário, que deve aparecer daki a alguns minutos, quando eu terminar de ler o 19,5!!
    Flw ai

    ReplyDelete
  12. Adorei este Fire Tales! A briga entre os machos e as fêmeas se tornou muito hilaria!! Mas a grande verdade, é que um mundo sem o sexo frágil não existiria kkkkkk
    Todos os diálogos estão muito empolgantes e bem escritos, fazendo com que o leitor entenda cada linha e paragrafo da história, se imaginando sendo até os próprios pokémons, adorei cada cena descrita deste pequeno especial!
    A pequena Froslass é uma gracinha, e eu morri de rir com as cantadas do Gabite para cima dela (é tão difícil ser tão atraente kkkkkkk)
    Parabéns por um especial tão bem escrito e surpreendente, a cada momento você só cresce!
    Bjos__S2

    ReplyDelete
  13. UHU, eu sou um leitor Shieldon. A moral da história até que foi engraçada. A Titânia brigando com os machos ficou demais e chegou a um ponto hilário na hora que os machos se perderam. Eu acho que foi a primeira vez que o Gabite falou alguma coisa inteligente. Seá que vai rolar um romance entre o Gabite e a Frosslass??? Nossa, essa poesia no final foi totalmente maravilhosa(*-*). Esse foi o melhor Fire Tails até agora na minha opinião.

    ReplyDelete
  14. Cara, acho que sou muito ingênuo. Eu simplesmente não entendi a piada. Talvez eu tenha lido muito rápido, ou faltou atenção na hora. Enfim, eu ri. Mas por favor, me matem porque pelo visto só eu não consegui processar a parada toda.

    ------------------------------------------------

    Isso é o que eu havia escrito antes de voltar, ler a moral da história e os comentários acima de novo. Cara, enfim eu entendi. Não acredito que isso não tenha passado pela minha cabeça.

    UAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAH

    Enfim, eu ri antes e depois de entender. Esse Fire Tales ficou muito bom. Não sei como não vim ler antes. E agora vou para o próximo. Pelo menos essa parte fica em dia.

    Até!

    ReplyDelete
  15. Admito que no comeco, nao saquei. Mas eu refleti sobre a piada... E meol deuses, to rindo ate agora! :-)

    ReplyDelete
  16. Fire Tales me lembrando que dia desses estava conversando sobre Pokémon na turma e, quando falaram de Onix, eu gritei TITÂNIA asopadkoaspkodpkoasd [preciso dizer que geral ficou me olhando tipo 'wtf?'? q]
    Enfim
    Owwwn, eles cuidando do ovo, tão kawaii <3 Pachirisu e Roselia são os mais fofos <3 <3
    afinal, educação é a base de tudo > Titânia estando certa like ever
    Vish, Gabite, demorou demais xDD
    Mas realmente, já pensou que foda ter uma mãe como a Titânia? Forte e guerreira, assim como protetora e sábia *-----*
    Tadinha da Frosslass, um grupo fantástico desse e ela continua isolada? t_t
    Aff, machos inservíveis, concordo com a Titânia u....u
    Pachirisu sempre puro demais para entender essas coisas xDD
    CHOREI COM ESSA HISTÓRIA, PQP xDDDDD
    Titânia quebraria a cabeça do Gabite se ouvisse xDD
    Legal que eu falo isso e ele dá uma furada dessas com a Glaciallis. TÁ FERRADO AOPSDKOPASDPKOAPKOSDPKOASDPKO
    Titânia é a foda desse grupo, não tem como não amá-la <3
    Pachirisu sendo fofo like ever e fazendo a Glaciallis realmente se sentir do grupo <3
    CHOREI COM OS MACHOS PERDIDOS AOSDOASPOKDPKOASOPKDPKOSPODPAOSPODKA Mas gente, é só o Mothim voar e procurar no alto, não? '---'
    Jeito de demonstrar preocupação: Pancada. COMO NÃO AMAR A TITÂNIA? AOPDKPOASPODKPOKASDPKOAS
    Glaciallis saindo da timidez pela escrita, Titânia tá perdendo seu lugar invicto de preferida rsrs
    Escrever era muito mais do que um hobbie, era uma forma de transmitir todos os seus sentimentos de sua vida para a eternidade. > Sei como é....
    MAS GENTE, ESSAS FRASES NO FINAL, TÃO EPIC <3 <3 <3
    Abraços da Tsuki, esse foi um dos melhores! ^^/

    ReplyDelete

- Copyright © 2011-2017 Aventuras em Sinnoh - Escrito por Canas Ominous (Nícolas) - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -